segunda-feira, setembro 04, 2006

Taxas de desemprego


TAXAS DE DESEMPREGO EM PORTUGAL

Mais uma vez saltado de tema com este meu espírito esvoaçante...digo, saltitante...vou novamente abordar a questão do desemprego, tanto mais que a Marcho pelo Emprego promovida pelo Bloco está aí à porta e não podemos deixar-nos anestesiar pelos números debitados pelo Instituto Nacional de Estatítisca. ´
Mais uma vez saíu nova notícia sobre o emprego em Portugal, com pompa e circunstância foi anunciado aos quatro ventos que metade dos lugares oferecidos pelos Centros de Emprego fica por preencher, pouco mais ou menso duas semanas após termos tido a notícia que a taxa de desemprego está a diminuir.

Será que nós os receptores destas notícias conseguimos separar a realidade da ficção? será que nos perguntamos como é que o INE chega a estas brilhantes conclusões quando a realdiade está à vista de todos? muito simples- são considerados empregados pelo INE todos os indíviduos que estejam nas seguintes condições:
(1) Ter efectuado trabalho pelo menos de uma hora, mediante o pagamento de uma remuneração , em dinheiro ou em espécie; (2) Ter um emprego, embora não estando ao serviço, bastando manter uma ligação formal com o emprego; (3) Estar na situação de pré-reforma, mas encontrando-se a trabalhar no período de referência.Ao mesmo tempo não são incluídos nos desempregados o português que esteja efectivamente desempregado mas que ou não tenha feito diligências no mês anterior ao inquérito realizado pelo INE para arranjar emprego, ou que esteja a fazer um trabalho não remunerado para ocupar o tempo porque está efectivamente desempregado, já não é considerado oficialmente como desempregado, e por isso não consta na estatística oficial de desemprego.

Por outro lado em relação ao não preenchimento de lugares oferecidos pelos Centros de Emprego, só quem nunca recorreu a esses Serviços não sabe que não existe qualquer relação entre as qualificações dos desempregados e os trabalhos que elhes são oferecidos. Alguns dos empregos localizam-se também num área geográfica suficientemente distante para não compensar a deslocação...nada de aceitar as informações com que o governo nos tenta iludir...todos à Marcha pelo Emptego que irá ter lugar no nosso distrito no dia 11 de Setembro, com partida às 14.30 do Tribunal de Trabalho de Leiria.
Dama Pé de Cabra

Segunda-feira, 04 Setembro, 2006

8 comentários:

ALC disse...

Olá a todos. Habituei-me de tempos a tempos a visitar-vos a estou com o Leiria em Cuecas, mas não podem resolver o problema do teclado? Isto é... se for esse o problema.

Dama Pé de Cabra disse...

Pessoalmente acho que estamos a ser boicotados pela reacção...

Atento aos pormenores disse...

Pois é! Estava eu sossegado, quando aqui leio que vão fazer uma procissão de vacas e cabras á procura do Eden maravilhoso, com sorrisos prometedores, ou não e olhos lindos, mas afinal no BE ( podem confundir com BSE) as ditas não são só sapatonas de bigode e machos de rabo de cavalo?

Dama Pé de Cabra disse...

O FUNGÁGÁ DA BICHARADA

Ao menso sendo vacas e cabras não seguimos a carneirada, e depois, para se juntar à carneirada (os outro)basta querer acreditar em qualquer coisa quanto mais inatingível melhor (por exemplo que o Engº Sócrates vai conseguir a dupla proeza de levar este país a bom porto ao mesmo tempo que o seu nariz vai deixar de crescer e que vai deixar de cioso)como nós vacas e cabras associadas, acreditamos que por este andar vamos mergulhar no abismo, não vamos partir sem espernear um bocado...é uma questão de feitio...e depois não acreditamos no Edén e mesmo que existisse, pecaminosos como somos, não teríamos a entrada facilitada...o máximo que conseguíriamos é ficar no limbo e não gostamos de meias tintas.
Quanto aos sorrisos prometedores, se são prometedores de alguma coisa é claro que pretendemos cumprir....rabos de cavalo não desgosto mas não vi nenhum na procissão e sapatonas de bigode é mais para o lado do PP...afinal o PP é que soma pontos nas aldeias desse Portugal profundo graças à intervenção, não da divina providência, mas do senhor padre...resta-lhe a consolação, meu caro carneiro, que quando chegar ao Eden vai lá ter 72 sapatonas para despachar (sorriso caprino e nada prometedor)

Atento aos ... disse...

Óbviamente que não, seguem antes os Bois e os Carneiros sejam eles autênticos ou travestidos de revolucionários académicos com tiques de novo riquismo, mas antes aasim do que enxamearem e poluírem com ideias clonadas e com algum cheiro a naftalina, os salões da burguesia, cheiro esse que vendo bem, nem será tanto das ideias, será antes da roupinha carnavalesca, tirada do baú. Sim porque se fosse pela indumentária do dia a dia, diria que seria uma manif das tias de cascais ou outro sitio in da nossa praça. Seja o sorriso prometedor ou de promessa cumprida, vale o que vale e eu acho que vale pouco....muito pouco.

Dama Pé de Cabra disse...

Meu caro Carneiro,
Essa dos revolucionários académicos com tiques de novo riquismo é demasiado estereotipada...é que normalmente o rebanho (vá-se lá saber porquê) tem a veleidade de nos considerar trotsquistas de salão..sinal que não procuram saber um pouco mais de nós antes de nos julgarem...ou será que na tua perpectiva os aderentes do BE teriam forçosamente de se enquadrar naquilo que esperavas...uma cambada de hippies tardios de longos cabelos oleosos ou rabo de cavalo que snifam uns pós e cujas mulheres têm um ar duro e assexuado? give me a break! se não temos rebanhos e primamos pela diversidade dá-nos o direito de sermos como quisermos...pessoalmente e como pé de cabra de serviço posso-te garantir que não tenho naftalina nem na cabeça nem nas roupas, que detesto o carnaval, que não sou tia de ninguém nem nasci em Cascais e que nunca frequentei os salões da burguesia da nossa praça (felizmente)..é que sou contra os vícios privadas e as públicas virtudes

Atento aos ... disse...

A madame não viu ainda, que o rebanho é composto de uma amalgama de dissidentes com feridas por lamber, oportunistas com faro para amealhar mais uns cobres, fanáticos de lutas armadas e revoluções com hora marcada, a estes juntam-se os puros os incautos, no fundo carne para canhão. Parece-me ser o seu caso e se o é, deixa-me dar-lhe um conselho, vacine-se antes que o virus seja mortal, é que não fica bem na fotografia, com o tempo o sorriso amarelece e perde a graça. Depois, passada a crise olha para o percurso revolucionário, e ri-se, mas aí será tarde demais.

Dama Pé de Cabra disse...

Ok...isto tudo para chegarmos à brilhante conclusão de que este rebanho está afectado por todos os vícios e que o seu rebanho, meu caro carneiro, é puro e impoluto? pleaaase....feridas por lamber todos temos...oportunistas com faro para amealhar mais uns cobres não sei o que ganhariam em aderir ao bloco...acho que estão muito melhor no seu rebanho, oportunidades não lhes faltam! quanto a colocar-me num grupo lamento desapontá-lo mas o grupo da carne para canhão não faz o meu estilo....prefiro o grupo que acende a mecha....afinal sou dos tais "fanáticos" pela revolução com hora marcada!