quarta-feira, julho 18, 2007

Paraiso dos Alegres

Irrito-me, solenemente, sempre que passo pela casa onde, numa tabuleta, está esplendorosamente emoldurada a frase "Paraiso dos Alegres" e fico sempre a pensar o mesmo _ que raio pode haver um paraíso sem ser alegre?_

Veio-me isto á ideia, porque ouvi o Francisco Louçã a dizer, na noite das eleições de Lisboa "nós, socialistas de esquerda".....

Louçã, Louçã, para onde vais tu? 

Será que haverá um socialismo de direita?

mordaki

3 comentários:

Anónimo disse...

boa pergunta mas se calhar a questão não está no louçã mas nos outros que se dizem socialistas e adoptam medidas de direita...
com tanta baralhaão de rosas e afins acho que o melhor é clarificar .. por isso acho que o louçã esteve bem...


pedro

Rendinhas e Veneno disse...

Absolutamente de acordo com o anónimo....é que existe por aí um partido que de socialista só tem o nome, daí a distinção entre socialistas de direita e esquerda...na realidade vê-se bem de onde vem o nosso "primeiro"...da Juventude Social Democrata!

Giro, giro é o Paulo Portas...isto tem de haver sempre cromos na política e ele tem-se vindo a aprimorar..cada dia que passa se torna mais hilariante!

Anónimo disse...

Que me importa a mim que o Partido se diga xuxalista ou comunista se depois tem práticas de direita, temos que chamar os bois pelos portas ou melhor pelos cornos.
sou

Atento